Carreira Contábil: As possibilidades de crescimento na área


Como funciona o seu processo decisório? Sabemos que uma escolha pode transformar todo um caminho a ser seguido.

Você é daqueles que levanta prós e contras? Ou decide com base na intuição? Pensa nas potencialidades ou limitações que sua escolha implicará?

Na hora de escolher uma carreira, todos esses questionamentos podem te ajudar.

Com um novo paradigma instaurando-se no mercado de trabalho brasileiro, a carreira contábil ascende como uma grande oportunidade para os próximos anos. Já pensou em contabilidade?

Imagine este cenário: um profissional autônomo, prestador de serviço, encontra-se na informalidade. Eis que surge um possível trabalho para uma empresa já estabelecida no mercado em que atua.

Esta empresa exige uma prestadora de serviços totalmente regularizada – é pegar ou largar. Ele, então, topa. Porém, não faz ideia do caminho para a formalização.

Quem pode ajudá-lo?

Um profissional da contabilidade
Mas um contador não estaria apto somente para gerir o aspecto financeiro dessa possível nova empresa?

Depende. Um profissional da contabilidade atento ao mercado, atualizado e criativo poderá posicionar-se no mercado como um consultor – alguém que orienta outros profissionais liberais na regularização de sua atividade.

É o que diz a presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul, Ana Tércia Lopes, em entrevista concedida à Unidade de Comunicação da FADISMA.

“A figura do contador clássico seguirá existindo, mas cada vez mais o mercado está se transformando, gerando novas oportunidades para aqueles que pensam em quebrar paradigmas. Por que o contador não pode atender pessoa física, por exemplo?”

A tecnologia como aliada da contabilidade

Muito se falou na extinção da carreira contábil em função da corrida tecnológica, porém as novas ferramentas são, na verdade, aliadas dos bons profissionais.

Por que gastar energia e valiosos minutos montando tabelas “na mão”quando são diversos os softwares de contabilidade gerencial disponíveis, por exemplo?

O mesmo foi dito, há alguns anos atrás, na popularização dos computadores.

“Oh, as máquinas vão suprir as demandas cumpridas por humanos!”

É fato, elas irão suprir.

De acordo com o The Future of Jobs Report 2018 (em inglês), relatório apresentado no Fórum Econômico Mundial, o contador clássico, que cuida do livro-caixa, dos pagamentos etc., está classificado como um profissional redundante.

Você, profissional ou aspirante da carreira contábil, pode tomar isso como uma ofensa agora.

Mas calma lá.

Uma máquina, por mais evoluída que seja, não tomará as rédeas num processo decisório dentro de uma empresa.

E é aqui que o profissional da contabilidade do futuro entra: ele atuará como um gestor, um analista de dados, como um conselheiro – alguém capaz de, através dos números, formatar um caminho, uma proposta de trabalho com base em seu conhecimento das Ciências Contábeis.

Ainda, de acordo com Zulmir, a tecnologia veio para dar nova cara à carreira contábil.

“A inovação tecnológica está contribuindo para transformar, de uma vez por todas, a imagem e participação do profissional da contabilidade no mundo dos negócios, reforçando o seu papel estratégico na tomada de decisões. Vista como um sistema de informação acerca do patrimônio e das situações econômica e financeira da empresa, a contabilidade se tornou um instrumento essencial na gestão. O desafio está em se preparar para assumir esse novo papel”, disse o presidente do CFC.

Carreira contábil: um leque de oportunidades
Independente do setor, se público ou privado, o egresso do curso de Ciências Contábeis terá em seu horizonte uma grande variedade de possibilidades profissionais.

Analista Fiscal, Analista Financeiro, Analista de Dados Auditor, Contador, Perito etc. Contabilidade Gerencial, de Custos, Empresarial – para citar somente algumas carreiras e áreas de atuação.

Para o professor Coordenador do Curso de Ciências Contábeis da FADISMA, Elionai Postiglione, o profissional da área contábil deve estar atento ao mercado, adaptando-se.

“São muitas possibilidades. Ele (o profissional) tem que ser capaz de se transformar, se adaptar às nuances do mercado. A carreira pode se dar como Contador em um escritório, particular ou dentro de uma empresa. Como funcionário de órgão público. Como Auditor Independente. Perito Contábil. Controller, um assessor empresarial para altas cúpulas. O contexto do mercado, hoje, exige um profissional adaptável e atento às oportunidades, porque elas estão ali”, afirma.

Com tantos caminhos para cursar após a conclusão do curso, o reflexo se dá na taxa de empregabilidade do setor – incríveis 93%, segundo levantamento feito pela revista InfoMoney, com dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Mas não se engane.

Mesmo com uma gama de oportunidades, o profissional contábil deve estar em constante atualização, com cursos de especialização, pós-graduação ou técnicos específicos em novas tecnologias – essas serão exigências certas, em áreas variadas para diferentes carreiras.

Conteúdo original Fadisma | 17/02/2020.

Moedas - 07/04/2020 14:22:26
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 5,286
  • 5,287
  • Paralelo
  • 4,530
  • 5,300
  • Turismo
  • 5,270
  • 5,590
  • Euro
  • 5,750
  • 5,752
  • Iene
  • 0,048
  • 0,048
  • Franco
  • 5,432
  • 5,434
  • Libra
  • 6,503
  • 6,505
  • Ouro
  • 277,590
  •  
Mensal - 04/03/2020
  • Índices
  • Jan/20
  • Dez/19
  • Inpc/Ibge
  • 0,19
  • 1,22
  • Ipc/Fipe
  • 0,29
  • 0,94
  • Ipc/Fgv
  • 0,59
  • 0,77
  • Igp-m/Fgv
  • 0,48
  • 2,09
  • Igp-di/Fgv
  • 0,09
  • 1,74
  • Selic
  • 0,38
  • 0,37
  • Poupança
  • 0,05
  • 0,05
  • TJLP
  • 5,09
  • 5,57
  • TR
  • -
  • -
  • 09/Abril/2020 – 5ª Feira.
  • ICMS | Substituição tributária.

Busca de endereço na internet