Auxílio-doença para quem tem pressão alta: Veja como conseguir


Muitos brasileiros são diagnosticados diariamente com hipertensão, essa doença é conhecida popularmente como pressão alta, que é quando o seu coração bate, ele contrai e bombeia sangue pelas artérias para o resto do seu corpo. Esta força cria uma pressão muito alta sobre as artérias.

Existem alguns fatores que podem levar à hipertensão, são eles: genética, obesidade, alcoolismo, sedentarismo, tabagismo e consumo excessivo de sal.

Por ser considerada uma doença perigosa, que pode vir fazer com que o trabalhador fique afastado de suas atividades, é possível solicitar o auxílio-doença, que visa garantir que o segurado tenha o tratamento e recuperação adequada para conseguir voltar às atividades de trabalho.
Como solicitar o auxílio-doença se tenho hipertensão?

Quando o paciente que tem hipertensão tem que passar por algum período de tratamento específico, onde a equipe médica (incluindo o perito do INSS) entenda que ele não pode continuar trabalhando, ou também quando devido a essa doença ele acaba desenvolvendo complicações, neste momento lhe é concedido o benefício.

IMPORTANTE! Muitas vezes pode ser que a Previdência Social não libere que um paciente hipertenso receba o auxílio-doença, por ele não precisar ficar afastado do trabalho, por isso é importante saber identificar qual o seu caso.
Qual a documentação necessária para solicitar o auxílio-doença para hipertenso?

É necessário a apresentação de documentos médicos referentes ao tratamento ou internação. São eles: laudos, exames, atestados e relatórios.

Lembrando que é necessário passar por um perito perito da previdência, que vai avaliar o caso.Todos os documentos médicos que você fornecer ao perito, vão contribuir e facilitar o processo de conseguir começar a receber o benefício.

Para marcar o perito da previdência, basta agendar o horário pelo site do INSS, separar todos os documentos solicitados e comparecer na agência e horário marcados.

Fonte: JornalContabil | 09/08/2019

Moedas - 17/01/2020 17:22:10
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,175
  • 4,176
  • Paralelo
  • 4,130
  • 4,380
  • Turismo
  • 4,020
  • 4,360
  • Euro
  • 4,638
  • 4,641
  • Iene
  • 0,038
  • 0,038
  • Franco
  • 4,317
  • 4,320
  • Libra
  • 5,439
  • 5,442
  • Ouro
  • 207,970
  •  
Mensal - 03/12/2019
  • Índices
  • Set
  • Out
  • Inpc/Ibge
  • -0,05
  • 0,04
  • Ipc/Fipe
  • -
  • 0,16
  • Ipc/Fgv
  • -
  • -0,09
  • Igp-m/Fgv
  • -0,01
  • 0,68
  • Igp-di/Fgv
  • 0,50
  • 0,55
  • Selic
  • 0,46
  • 0,48
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -
  • 20/Janeiro/2020
  • IRRF | Imposto de Renda Retido na Fonte.
  • Cofins/CSL/PIS-Pasep | Retenção na Fonte.
  • COFINS/PIS-Pasep | Entidades financeiras.
  • INSS | Previdência Social.
  • EFD - Contribuintes do IPI | Distrito Federal.
  • IRPJ/CSL/PIS/COFINS | Incorporações imobiliárias | Regime Especial de Tributação – PMCMV.
  • IRPJ/CSL/PIS/COFINS | Incorporações imobiliárias | Regime Especial de Tributação - RET.
  • Simples Nacional.
  • Informe de Rendimentos Financeiros - PJ

Busca de endereço na internet